BNB

quarta-feira, 24 de maio de 2017

Preso no Ceará, braço-direito da quadrilha de Fernandinho Beira-Mar

A Polícia Federal cumpre, desde as 6h desta quarta-feira (24), mandados de prisão no Ceará e em mais quatro estados e no Distrito Federal contra a quadrilha do traficante Luiz Fernando da Costa, o Fernandinho Beira-Mar. Até o final da manhã haviam sido presos cinco filhos do criminoso, uma irmã dele, e um braço-direito do traficante. Este último, preso no Ceará.
No total, 10 parentes tiveram a prisão pedida. Alessandra da Costa, irmã e advogada do traficante e apontada como sua conselheira, foi presa onde mora, em um condomínio de luxo no bairro Vinte e Cinco de Agosto, em Duque de Caxias, na Baixada Fluminense. Contra ela havia um mandado de prisão por organização criminosa e lavagem de dinheiro.
Os cinco filhos de Beira-Mar presos são: Taiuã Vinícius da Costa, Thuany Moraes da Costa, Luan Medeiros da Costa, Felipe Alexandre da Costa e Marcelo da Costa.
A mulher do traficante, Jacqueline Alcântara de Moraes, já estava presa no Mato Grosso do Sul e vai ser levada para Porto Velho ainda nesta quarta.
Felipe da Costa Lira, braço-direito de Beira-Mar, foi detido no Ceará, segundo a PF. Até a última atualização da reportagem, não havia um balanço oficial do número de presos.
Transferência
Beira-Mar era ouvido, por volta das 11h, pela Polícia Federal dentro do presídio em Rondônia. À tarde, ele será levado para Brasília, onde ficará na sede da PF até ser definida a transferência para outro presídio federal, ainda não definida. Os presos na operação também prestam depoimento.A Polícia Federal cumpre, desde as 6h desta quarta-feira (24), mandados de prisão no Ceará e em mais quatro estados e no Distrito Federal contra a quadrilha do traficante Luiz Fernando da Costa, o Fernandinho Beira-Mar. Até o final da manhã haviam sido presos cinco filhos do criminoso, uma irmã dele, e um braço-direito do traficante. Este último, preso no Ceará.
No total, 10 parentes tiveram a prisão pedida. Alessandra da Costa, irmã e advogada do traficante e apontada como sua conselheira, foi presa onde mora, em um condomínio de luxo no bairro Vinte e Cinco de Agosto, em Duque de Caxias, na Baixada Fluminense. Contra ela havia um mandado de prisão por organização criminosa e lavagem de dinheiro.
Os cinco filhos de Beira-Mar presos são: Taiuã Vinícius da Costa, Thuany Moraes da Costa, Luan Medeiros da Costa, Felipe Alexandre da Costa e Marcelo da Costa.
A mulher do traficante, Jacqueline Alcântara de Moraes, já estava presa no Mato Grosso do Sul e vai ser levada para Porto Velho ainda nesta quarta.
Felipe da Costa Lira, braço-direito de Beira-Mar, foi detido no Ceará, segundo a PF. Até a última atualização da reportagem, não havia um balanço oficial do número de presos.
Transferência
Beira-Mar era ouvido, por volta das 11h, pela Polícia Federal dentro do presídio em Rondônia. À tarde, ele será levado para Brasília, onde ficará na sede da PF até ser definida a transferência para outro presídio federal, ainda não definida. Os presos na operação também prestam depoimento.
(Com informações do G1/RJ)