BNB

segunda-feira, 19 de junho de 2017

Pressão faz Prefeitura de Juazeiro diminuir R$ 4 milhões do valor do contrato com Hospital São Raimundo do Crato


A prefeitura de Juazeiro do Norte recuou mais uma vez ante à pressão popular, das redes sociais e dos vereadores da oposição na Câmara Municipal. Após publicar no último dia 7, no Diário Oficial do Município, o resultado do pregão 17/2017 da Secretaria de Saúde, onde o Hospital São Raimundo, mantido pela Fundação Bezerra de Menezes, da família do prefeito Arnon Bezerra, iria receber pouco mais de R$ 7,9 milhões, o contrato da prestação do serviço foi publicado na edição do último dia 13 como novo valor. Agora com R$ 3,9 milhões, ou seja, quase 50% a menos do valor previsto na licitação.
Inicialmente, a licitação previa o montante de até R$ 7,9 milhões para prestação de procedimentos cirúrgicos, objeto da licitação, à Secretaria de Saúde. "A administração não pode fracionar licitação. Tem de estipular valor. Como o valor apresentado era uma previsão, agora se chegou a conclusão que R$ 3,9 milhões a ser pago em 12 meses serão suficientes e justo para prestação do serviço", explica uma fonte da prefeitura, que pediu pra ser preservada.
O novo valor registrado no Diário Oficial se aproxima do mesmo preço do serviço que era prestado pelo Hospital São Raimundo na gestão Raimundo Macedo (2013-2016), que era cerca de R$ 3 milhões por ano. Na pressão popular, o município economizou exatos R$ 4 milhões.